A bola é redonda

27-08-2021 | 13:33 | | |

A bola é redonda

Escrito por Filipe Bastos

Vou falar de futebol. O Benfica apurou-se para a fase de grupos da Champions League. Juntou-se a Sporting e FC Porto. Temos, assim, três equipas a disputar a competição o que já não acontecia desde de 2018. Na quinta feira foi o sorteio. O azar do costume: FC Porto e Benfica, mais até o FC Porto, têm praticamente a sorte traçada. Passar esta fase só se a Nossa Senhora de Fátima e mais alguns santos se juntassem num conclave a pedir por eles. Já o Sporting tem hipóteses. Rúben Amorim fala muitas vezes em sorte. E, de facto, ele está claramente ‘encostado’ a alguém que lhe ilumina o caminho. O Sporting, sim, pode, claramente, passar.   O Braga que vai disputar a Liga Europa viu igualmente sorrir-lhe o sorteio. Pena foi o afastamento do Santa Clara e do Paços de Ferreira da Conference League. embora se registe um excelente comportamento. Entretanto, Fernando Santos fez mais uma convocatória. A surpresa é Octávio. Mais um brasileiro. Eu pertenço ao grupo daqueles que acha que tendo Portugal um lote de atletas de muita qualidade - claro sem querer retirar a qualidade de Octávio, que é muita - chamar à seleção ‘estrangeiros’ só em casos de exceção. Pepe? Sim. Deco? Sim. Mas banalizar, não! Até porque Octávio joga num sector onde a meu ver há um punhado de excelentes atletas nascidos aqui no burgo. Este é o nono jogador naturalizado a ser chamado à seleção. Estamos quase a fazer um 11 a cantar o hino com sotaque. Curiosamente, ou talvez não, vimos Rúben Dias ter sido considerado o Melhor Defesa da Champions League na época 2020/2021 pela UEFA. Termino com Cristiano. À hora a que escrevo não há certezas, embora tudo se encaminhe para que deixe a Juventus e regresse a Manchester, mas para o vizinho (e rival...) City o que não vai facilitar a vida a Ronaldo na cidade inglesa, onde ele foi extremamente feliz.