O Ardina e as castanhas

O Ardina
10-12-2021 | 16:12 | | |

O Ardina e as castanhas

Escrito por O Gaiense

No dia 11 de novembro celebra-se o São Martinho, que foi um homem bondoso e solidário, que não hesitou em dividir a sua capa com um pedinte que estava cheio de frio, e como que por milagre nesse momento a temperatura aqueceu, daí falar-se no “Verão de S. Martinho”. Nesse dia é costume as pessoas reunirem-se com a família ou amigos e comerem castanhas assadas. Eu sou particularmente apreciador desse fruto, produzido por uma árvore muito bonita chamada castanheiro, e com os meus amigos fizemos uma bela festa: bebemos jeropiga e comemos castanhas quentinhas, cantámos e dançámos. Mas nunca me tinha acontecido ficar com a barriga a doer, de tanto comer! No dia seguinte foi com algum esforço que me levantei para fazer o giro de distribuição de ‘O Gaiense’, mas verifiquei que o facto de caminhar e ir falando com as pessoas não só me fazia bem fisicamente, como me distraia da dor de barriga. Nesse dia aprendi a lição: mesmo que algo seja muito bom, não devemos comer em excesso, pois o nosso corpo reage aos exageros. E viva o S. Martinho!